quinta-feira, 30 de junho de 2011

Hemeroteca


O BNDES aprovou o maior patrocínio cultural de sua história — R$ 32 milhões para a Biblioteca Nacional investir na Hemeroteca Brasileira, restaurar a fachada da sua sede na Cinelândia, Centro do Rio, e implantar seu DataCenter. Hoje, o setor de jornais é o mais visitado. São cerca de 1.500 pessoas por mês.
Fonte: Ancelmo Gois, O Globo